Menu

Associados

CNA prevê crescimento de 0,1% no Valor Bruto da Produção em 2019

Imagem retirada de http://www.ceisebr.com/conteudo/valor-bruto-da-producao-agropecuaria-crescera-02-em-2019para-r-6092-bi.html Imagem retirada de http://www.ceisebr.com/conteudo/valor-bruto-da-producao-agropecuaria-crescera-02-em-2019para-r-6092-bi.html

O Valor Bruto da Produção (VBP) deve crescer 0,1% em 2019 na comparação com o ano passado e totalizar R$ 608,6 bilhões, segundo estimativa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

A expectativa para o VBP, que mede o faturamento bruto da atividade ?da porteira para dentro?, é de alta na receita da pecuária (7,8%) e de queda na agricultura (-4,1%) em relação a 2018.

Neste contexto, o faturamento da pecuária deve subir de R$ 215,03 bilhões em 2018 para R$ 231,7 bilhões neste ano. Já a projeção para o VBP da agricultura é de recuo de R$ 393,1 bilhões para R$ 376,8 bilhões no mesmo período.

?Dados de janeiro a julho de 2019 mostram incremento substancial da produção agrícola e pecuária comparativamente a 2018. Mas enquanto para as atividades pecuárias os preços também têm crescido - ainda que em menor ritmo se comparado à produção ? as culturas agrícolas, em geral, têm observado declínio dos preços?, explica a CNA.

Na pecuária, as principais altas previstas são para os setores de suínos (19,9%) e de frangos (14,2%). O faturamento do setor de carne bovina deve subir 2,7%. Leite e ovos também terão elevações neste ano na comparação com o ano passado, de 9,8% e 7,8%, respectivamente.

A soja deve ter uma queda de 14,8% no VBP em 2019, totalizando R$ 142,5 bilhões, puxada pela redução de 11% nos preços e de 3,5% na produção. Café, cana de açúcar e arroz também terão receitas menores em 2019, reflexo da baixa dos preços e da produção.

Para o milho, o cenário é de alta de 15,9% do VBP, impulsionada pelo acréscimo de 23% na produção, mesmo com a queda de 5,8% nos preços neste ano.

fonte: Udop, com informações do CNA (texto extraído do portal Notícias Agrícolas)

Newsletter

Cadastre-se em nosso informativo e mantenha-se atualizado.

Associados