Boas Festas!

Boas Festas!

Furto de cabos deixa milhões de famílias sem internet todos os anos

Série Piratas do Cobre, da Record TV Minas, mostra como o crime afeta o setor de telecomunicações no Brasil
MG é o quinto estado do país com mais ocorrências

Quase 7 milhões de pessoas, anualmente, ficam sem internet no Brasil por causa do furto de fios de cobre no setor de telefonia.

Só no primeiro semestre de 2021, as operadoras que atuam no país tiveram 2,3 milhões de metros de cabos furtados ou roubados, o que equivale à distância entre Belo Horizonte e Buenos Aires, capital da Argentina. Minas Gerais é o quinto Estado do Brasil com o maior número de ocorrências desse tipo de crime, que afeta desde as multinacionais às casas e comércios dos cidadãos.

“São várias as consequências para a população. A primeira é que ela fica cerceada de ter acesso ao serviço de telecomunicações que, na pandemia, foi essencial para manter a sociedade funcionando”, explica Marcos Ferrari, executivo de uma empresa do setor de telecomunicações. Ele completa que o impedimento se torna ainda mais grave em situações de emergência, já que dificulta a realização de ligações para os bombeiros, para a emergência médica e para a polícia.

As operadoras informaram que, em 2020, o total de clientes afetados já havia sido 34% maior que em 2019. Nos primeiros seis meses de 2021, o número de furtos e roubos de cobre teve um crescimento de 14,5% na comparação com o primeiro semestre do ano anterior. Em Minas Gerais, 201 mil metros de cabos foram retirados da rede clandestinamente.

Ferrari acredita que um dos motivos pelo qual o crime é tão comum no país e no estado devido à pena para quem o comete, que é muito branda. “Acaba parecendo que é um crime banal, e provavelmente isso tem incentivado que as pessoas ingressem nesse tipo de crime, tendo em vista que não se tem ainda uma ação intensiva das autoridades policias”, argumenta.

A Polícia Civil garante que tem trabalhado com o setor de inteligência para combater essa modalidade criminosa e, atualmente, mira no núcleo financeiro de quadrilhas que fomentam o furto de cobre.

Piratas do Cobre

Os problemas causados pelo furto de fios em Minas Gerais é tema da série Piratas do Cobre, exibida pela Record TV Minas entre esta segunda-feira (28) e a próxima quinta-feira (3). O material vai ao ar no Balanço Geral Minas, a partir das 11h50.

O primeiro episódio mostrou como funciona a força-tarefa criada para combater a prática criminosa na capital mineira. O segundo mostrou estratégias adotadas por empresas para tentar evitar os furtos. Dentre elas, a substituição do cobre por materais mais baratos.